O governo federal está preparando uma série de medidas que visam a estabelecer a nova Política Nacional sobre Drogas. Para isso o Ministro da Cidadania Osmar Terra reuniu-se com o Secretário Nacional de Cuidados e Prevenção às Drogas, Dr Osmar Quirino, representantes da CONFENACT – Confederação Nacional de Comunidades Terapêuticas e assessores da SENAPRED.

Na pauta, a discussão da Política Nacional sobre Drogas, a regulamentação dos serviços das Comunidades Terapêuticas e outras entidades atuantes na área do uso, uso indevido e dependência do álcool e outras drogas, o Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social – CEBAS para essas entidades e parâmetros de fiscalização para assegurar bons serviços na área.

Fortalece-se a posição do governo contrária à liberação das drogas, conforme o desejo da maioria do povo brasileiro. Dados científicos comprovam que as drogas são nocivas, especialmente para crianças, adolescentes e jovens e, por isso, a política pública deve criar formas de prevenção e proteção a todos, inclusive como meio de reduzir os graves custos sociais, pessoais, econômicos e a violência decorrente do uso, uso indevido e dependência do álcool e outras drogas.

Participaram do encontro o Ministro Osmar Terra, o Secretário da SENAPRED Dr Quirino Cordeiro, Cláudia Leite, Diretora de Cuidados e Prevenção às Drogas, Edu Cabral, Assessor de Gabinete da SENAPRED, Pablo Kurlander, Presidente da CONFENACT e representante da FEBRACT, e membro da junta diretiva da FLACT e WFTC; Adalberto Calmon Barbosa, Vice-presidente da CONFENACT e representante da FAZENDA DA ESPERANÇA; CÉLIO BARBOSA, Tesoureiro da CONFENACT, presidente da FENNOCT e representante da FAZENDA DA PAZ; Rolf Hartmann, Assessor de Legislação e do CEBAS da CONFENACT, Presidente da CRUZ AZUL NO BRASIL e Tesoureiro da CRUZ AZUL INTERNACIONAL; Maurício Landre, Assessor da CONFENACT e Assessor Técnico e Científico da FENNOCT.

Fonte: Cruz Azul